Sense 8 (Netflix, temporada 1)

Sense8, a série dos irmãos Wachowski chegou ao Netflix e conseguiu dividir a internet, gerando um ame ou odeie. Mas qual a razão de tudo isso?

A história de 8 pessoas espalhadas pelo mundo que conseguem se conectar “telepaticamente” e se ajudar tem uma premissa bacana mas muito duvidosa também, por fazer boa alusão ao fiasco que foi Heroes.

Em resumo, é o melhor trabalho da dupla de diretores desde V de Vingança e isso foi há muito tempo. A série vai engrenando ao longo dos seus 12 episódios e os pontos altos são as interações dos  personagens, mesmo a distância, seja numa briga ou para cantar uma música (como a do vídeo). Além disso, as peculiaridades de cada cultura/nação aparecem sob uma visão diferenciada em relação ao que estamos acostumados a ver nas séries dos Estados Unidos.

Se isso tudo empolga, por outro lado, as tramas individuais de pelo menos metade dos 8 protagonistas cansam fácil e alguns episódios ficam severamente arrastados e repetitivos, 8 episódios bastavam.

No fim, é uma opção de dramédia interessante ao catálogo Netflix para quem  já viu o que o serviço tem de melhor (Bloodline, por exemplo).

 

Nota: 2.5/5

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s